Resenha: O Iluminado

Postado por | 7:41 AM Deixe seu Comentário
Uma ilustração do personagem Jack Torrance

Vamos a história então?

    Como eu poderia explicar da melhor maneira o iluminado? O livro é simplesmente fantástico.

  De início eu pensei que não fosse gostar da história, li os quatro primeiros capítulos e estava bastando para mim. Ao ler mais um pouco do livro, descobrimos que o iluminado trata-se um garoto de menos de dez anos, que parece ser muito introvertido. Porém Danny parece ser ter algo de anormal? Ele é digamos assim, influenciado pelo seu novo lar... Claro, quem não gostaria de morar em um hotel?

   Só não deseje  morar no Hotel Overlook, pois ele já tem habitantes demais, e você não vai querer ser mais um para entrar na fila! A família de Danny passou  por muita coisa antes de seu pai o Sr. Torrance, para os mais chegados, podem chamá-lo de Jack... Isso me lembrar outro personagem...     Enfim, Jack é um ex alcoólatra segundo relata no livro, e um bom pai de família, mas ele não consegue parar em nenhum emprego. E ele então se vê pedindo ajuda ao seu amigo rico, Al Shockley, e em pouco tempo, Jack sai de seu antigo trabalho como professor e vai se tornar zelador do hotel. Para a surpresa da maioria, o menino Danny também encontra um outro iluminado, com que possa realmente pedir ajuda caso as coisas piores dentro de sua casa. Afinal, o que menino poderia fazer sozinho?

   Hallorann é seu mais novo amigo adulto que também tem sensações esquisitas, ele poderia ser um médium. Hallorann em suas idas e vindas ao hotel nunca tinha encontrado ninguém o como o menino Danny, segundo ele, com tamanha força e poder para um garoto muito novo. 

  Ser o zelador do hotel, parecia ser perfeito, até que Jack começa a ser perturbado pelos habitantes do hotel, pois ele havia descobrido mais sobre o famoso passado daquele lugar. Mas Jack ainda sim, estava pronto para confrontar seu chefe e diretor do lugar afim de obter as repostas.

  Jack descobre que sua casa nova, ou poderia ser o lar temporário é na verdade mal-assombrado, e ele precisa tomar medidas para se proteger e a sua família também depende disso. Outro fato interessante é que o passado sempre bate a porta de Jack, porque ele se lembra muito bem da sua relação com o pai, e ele passa a ver isso em seu próprio filho.

   Vamos falar da mãe Wendy... Ela estava sempre acompanhando o filho, e é uma boa esposa que entende as decisões do marido, mas será mesmo que ela está disposta a arriscar tudo para poder ajudar Jack? Ela cuida do hotel como se fosse bem mais do que isso, e percebe as mudanças do ambiente de uma maneira lenta... Não que isso fosse ruim, mas é difícil acreditar na dura verdade.  

   Conflitos, assassinatos, brigas,r amizades, desespero... tudo isso podemo encontrar no Hotel Overlook... Então se você  realmente procura uma boa história de terror, você precisa ler esse livro!!

A edição lida foi bem fácil de ser encontrada, e para quem não sabe tem a continuação desse história escrita na sequencia como "Doutor Sono".
         

Ficha Técnica do Livro

O iluminado
Stephen King
463 páginas
Ano: 2012
Editora:Suma de Letras

Sinopse (Skoob)
O romance, magistralmente levado ao cinema por Stanley Kubrick, continua apaixonando (e aterrorizando) novas gerações de leitores. A luta assustadora entre dois mundos. Um menino e o desejo assassino de poderosas forças malignas. Uma família refém do mal. Nesta guerra sem testemunhas, vencerá o mais forte.
Danny Torrance não é um menino comum. É capaz de ouvir pensamentos e transportar-se no tempo. Danny é iluminado. Será uma maldição ou uma bênção? A resposta pode estar guardada na imponência assustadora do Hotel Overlook.
Em O Iluminado, quando Jack Torrance consegue o emprego de zelador no velho hotel, todos os problemas da família parecem estar solucionados. Não mais o desemprego e as noites de bebedeiras. Não mais o sofrimento da esposa, Wendy. Tranquilidade e ar puro para o pequeno Danny livrar-se das convulsões que assustam a família.
Só que o Overlook não é um hotel comum. O tempo esqueceu-se de enterrar velhos ódios e de cicatrizar antigas feridas, e espíritos malignos ainda residem nos corredores. O hotel é uma chaga aberta de ressentimento e desejo de vingança. É uma sentença de morte. E somente os poderes de Danny podem fazer frente à disseminação do mal.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Palavra do Leitor:

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!