Regras do Jogo (A Doutrina da Morte #2)

Postado por | 12:57 PM Deixe seu Comentário

“Se a humanidade é capaz de criar um outro mundo tão parecido com o nosso, como podemos saber o que é real e o que não é?”

Regras do Jogo é segundo livro da trilogia Doutrina da Morte e sinto que minhas expectativas sobre ele não fora atendidas. Se você leu o primeiro livro, lembra-se daquele final fantástico que faz querermos correr para ler o segundo livro (Se você ainda não leu o primeiro, saiba que essa resenha vai ter spoiler grande sobre ele, então leia o primeiro livro e depois essa resenha, para não estragar sua leitura), bom eu realmente não tinha uma ideia concreta do que aconteceria nesse livro, mas sentir novamente a dificuldade de me apegar aos personagens.

Realmente isso não fez que o livro fosse ruim, apesar de desgostar de algumas cenas e diálogos, a narrativa foi fluida, e deu para levar com facilidade, ainda mais por todos os acontecimentos que estava ansiosa para ler depois do  final de Jogo Infinito, onde Michel descobre que era um Tangente, assim como Kane, que agora foi tecnicamente “baixado” para um corpo humano, uma pessoa que possui uma vida, com família, namorada e que agora pode não existir mais, se sentindo um invasor e assassino, agora estando na Vigília (mundo real) e sem poder entrar no Sono (virtual) por Kane está no controle de tudo,  ele tem que encontrar Sarah e Bryson,e pensar em um forma de deter a Doutrina da Morte.

Com todo esses acontecimentos obviamente é um livro bem mais movimentado, Kane se mostra bem mais poderoso do que se imagina, e suas motivações para tudo que está acontecendo continuam obscuras, quando Michel, Sarah e Bryson dão um passo a frente, Kane já deu cinco a mais, eles ficam praticamente o tempo todo ou sendo manipulados por Kane ou pela SVV, o que deixa mais interessante por um lado, confesso que cada passo que eles davam, eu já imaginava o que daria de errado e quem seria o culpado por isso rs, as coisas são bem complicadas para eles, o lado ruim é que isso atrapalhou muito minha tentativa de me afeiçoar a eles, pois para mim ficaram muito na linha de se acharem foda, os melhores, mas não conseguir passar isso através da leitura, mesmo quando faziam coisas admiráveis.

Regras do Jogo foi salvo em minha opinião da mesma forma que Jogo infinito, pela reviravolta do final, ele consegue prender a gente nessa trilogia, para saber o que vai acontecer claro que durante o livro inteiro ele consegue te segurar na leitura te jogando uma dose aqui e ali de suspense, ainda mais com toda essa tecnologia envolvida, programas e códigos desse mundo virtual, o que aumenta mais seu gosto pela leitura, mas a nota com toda certeza foi aumentada por esses finais muito bons.

e Eu passei a gostar mais do Michel desse segundo livro do que do primeiro, apesar de alguns momentos reviradores de olhos que dei para ele, Sarah não me fez criar vínculos forte, alguns momentos de raiva por certos diálogos meio superiores dela, e Bryson talvez seria um personagem muito mais legal se ele fosse desenvolvido melhor, não estou falando no geral, mas teve momentos que ele era meio que jogado de lado, apenas soltando uma piadinha aqui e ali.

 Bom é isso que tenho para falar do segundo livro desse universo que mistura o real e o virtual, é uma trilogia que vale a pena ser lida, apesar da minha implicância com os personagens, a história no geral é muito boa.

                                                               Nota:

Ficha Técnica do Livro

Regras do Jogo (Doutrina da Morte #2)
James Dashner

Ano: 2015 / Páginas: 312
Editora: V&R Editoras


Sinopse (Skoob)
[ Tem Spoiler ] Michael completou o Caminho. No final, o que descobriu virou seu mundo de cabeça para baixo. Ele sabe que Kaine é um Tangente, um programa de computador que se tornou independente, e que está em todos os lugares ao mesmo tempo. Agora qualquer jogador que fizer a imersão na VirtNet corre o risco de sair com uma inteligência artificial no controle de seu corpo. E esse é só o começo da invasão.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 Palavra do Leitor:

Obrigado por seu comentário!! Bem-vindo(a) ao Clube do Farol!